O que fazer em Bragança Paulista?

Na divisa com Minas Gerais, mas distante apenas 89 quilômetros da capital, Bragança Paulista é uma cidade próxima de SP que vale a pena conhecer.

Bragança Paulista é uma das 11 Estâncias Climáticas do Estado, devido aos atrativos naturais, como clima ameno, montanhas, cachoeiras e muita área verde.

O destino é ideal para quem deseja uma pausa na rotina das grandes cidades mas não quer percorrer grandes distâncias. O clima de montanha, as ruas tranquilas e a hospitalidade da população ajudaram a transformá-la em ótima dica de cidade turística no estado de SP. 


O que fazer em Bragança-SP?

cidade turística sp
Lagoa do Taboão, em Bragança Paulista | CC
O ponto de encontro dos bragantinos é a Lagoa do Taboão. Circundado por um belo paisagismo, o complexo oferece espaços para a realização de eventos ao ar livre, prática de esportes e uma pista de cooper e caminhada com 300 metros de extensão. Em torno do lago, há diversas opções de bares, restaurantes, lanchonetes, música ao vivo e karaokê.

Outra atração é o Museu do Telefone, o primeiro do gênero e único em funcionamento no Brasil. Com mais de 50 peças, exibe um modelo original de 1880, além de réplicas de telefones mais antigos. Entre as curiosidades, estão o calculógrafo para ligações interurbanas e o telégrafo policial. O museu tem ainda um espaço cultural, onde são realizadas exposições temáticas.

E por falar em museu … Visite também o museu municipal Oswaldo Russomano. Instalado na segunda casa de tijolos da cidade, o acervo tem preciosidades históricas como uma espada de D. Pedro II, objetos da Segunda Grande Guerra e centenas de peças datadas desde 1666, doadas pelos habitantes. Estão expostos louças, instrumentos musicais, objetos da antiga estrada de ferro e obras de arte sacra.

Também são pontos turísticos, a Catedral Nossa Senhora da Conceição e a Câmara MunicipalA catedral foi erguida em dezembro de 1977 e é dedicada à padroeira da cidade. Também homenageia Madre Paulina, canonizada em 2002, que viveu na cidade entre os anos de 1909 e 1918. O prédio da câmara também abriga a biblioteca municipal, a secretaria da saúde e o espaço cultural, onde são realizadas as manifestações artísticas.

**

Ecoturismo e esportes radicais

A região também é muito procurada por ecoturistas e amantes de esportes radicais. A geografia bastante acidentada da cidade permite a prática de escaladas e off-road.


A bela represa Jaguary-Jacareí, circundada de montanhas, faz parte do complexo Cantareira | Sérgio Luiz Jorge

Bragança Paulista já foi sede de campeonatos de acrobacias aéreas. Para a prática de esportes náuticos, a dica é Represa Jaguary-Jacareí. A água, aliás, é um dos principais atrativos da cidade: diz a lenda que quem bebe das bicas e nascentes não vai mais embora.

Para quem não quer praticar uma atividade mais tranquila, as trilhas da Montanha Leite Sol e do Guaripocaba oferecem uma boa dose de exercício e uma linda vista.

Os dois morros também podem ser escalados, assim como a pedra de Guaraiúva e as rochas do Circuito Visual das Águas, a 20 quilômetros do centro. A região oferece ainda arvorismo, tirolesa, rapel, rafting e voo de paraglider.

***

Festival de Inverno de Bragança Paulista 2017

Descubra os agitos de Bragança Paulista no inverno. Em julho, diversos pontos da cidade se transformam em palco para apresentação de espetáculos artísticos.

Em julho, a cidade troca a tranquilidade típica de interior pelo agito de um dos festivais de inverno mais agitados do Estado. 

O Festival de Inverno de Bragança Paulista acontece em diversos pontos da cidade, com apresentação de oficinas culturais, exposições de arte, cine-clube, teatro, música, artes plásticas, fotografia, concertos eruditos e festival gastronômico.

*

Como chegar em Bragança Paulista?

Nenhum comentário